quinta-feira, novembro 06, 2008

Eu avisei...

"Domingo, Janeiro 13, 2008

Todo mundo já se perguntou porque as coisas acontecem de um dado modo e não de outro. Boa parte da física existe para responder a essa pergunta. Por exemplo, a noção de entropia serve para explicar porque as coisas acontecem prioritariamente num sentido e não em outro (como no exemplo clássico de que uma pedra cai e esquenta um pouquinho o chão, enquanto esquentar um pouquinho o chão raramente provoca um movimento da pedra).

Mas não é disso que eu quero falar. Estou pensando na dúvida básica, na situação da encruzilhada: dada uma bifurcação do destino, qual caminho é escolhido?

Novamente há argumentos entrópicos, explicações falando em quantidade de estados acessíveis, medidas de probabilidade, potenciais químicos que se igualam, etc. Proponho no entanto um modelo muito mais simples e unificador: as coisas acontecem de maneira a maximizar a quantidade de piadas.

Como ilustração desse princípio fundamental, tomemos o caso da eleição norte-americana. Eu acreditava na eleição do Obama simplesmente pelo trocadilho estúpido Obama-Osama. Hoje descobri o middle name do cidadão: Hussein.

Sim, meus caros, Barack Hussein Obama. Diante disso, não há dúvidas de que as forças da natureza vão dar um jeito de elegê-lo.

À guisa de exercício, peço que os leitores pensem em alguma de suas recentes frustrações (porque em geral só se pensa "puxa, por que as coisas foram assim?" quando o resultado não é bom) e vejam como a desgraça proporcionou mais piadas...

Publié par Bruno à 8:20 PM

Libellés : notícia, Termodinâmica "

2 comentários:

Bruno disse...

Pergunta importante: será que algum dia eu convenço o Blogger a parar de escrever as coisas em francês?

ju disse...

Nao, nao convence... mas ok, o texto taí, Nostradamus!!! ;-)