terça-feira, julho 24, 2007

Les Allemandes, comme d'hab

A alemã que está fazendo intercâmbio na Engenharia Química foi hoje com o meu pessoal ao bandejão. Depois de se servir, ela foi temperar a comida jogando azeite no feijão com a mão direita enquanto colocava vinagre na salada com a esquerda.

Poucos povos teriam a crueldade necessária para o Holocausto. Nenhum outro teria a eficiência.

PS: o autor obviamente não compactua com qualquer massacre de inocentes. Esse post foi apenas um comentário espirituoso sobre os alemães. Por favor, agentes do Mossad, libertem ao menos meus parentes próximos.

Um comentário:

Joahanna disse...

Falls sie Hilfe braucht, sag mal bescheidt... Ich übersetze gern... Mein Deutsch ist noch nicht ganz kaputt.
Hab ich das erst mal gesagt, nach unserem Besuch am Oranienberg?
Alles gute noch